Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O Poder da Mulher que ora

Deus tem para elas e tornar-se tudo o que ele as criou para serem. O Poder da Mulher que ora O Poder Não importa sua idade, seu estado civil, em que condições estão seu corpo e sua alma ou há quanto tempo você é ou não é cristã — se você é uma mulher, este livro é para você. Sou uma seguidora devota do Senhor há mais de trinta anos e durante todo esse tempo não me afastei dele, mas ainda assim também preciso deste livro. Na verda­de, eu o escrevi tanto para mim mesma quanto para você. Isso por­que sou como você. Muitas vezes acho a vida difícil, em vez de fácil; complicada, em vez de simples; potencialmente perigosa, em vez de segura; e exaustiva em vez de estimulante. Com freqüência, é mais como um vento forte, quente e seco do que como uma brisa suave, fresca e estimulante. No entanto, descobri que Deus pode aplainar meu caminho, acal­mar as tempestades, manter em segurança aqueles que prezo e a mim mesma e, até mesmo, simplificar as coisas quando peço que ele carre­gue as complicações da vida para mim. Contudo, isso não acontece sozinho. Não acontece sem oração. Em meio à vida agitada, muitas vezes não oramos o suficiente. Ou, então, oramos apenas pelas questões mais urgentes e deixa­mos de reservar um tempo para nos aproximarmos verdadeira­mente de Deus, conhecê-lo melhor e compartilhar com ele os anseios mais profundos de nosso coração. Em nossas orações a jato, passamos reto pela avenida por meio da qual ele traz bênçãos a nossa vida. E corremos o risco de acordar um dia com aquele sentimento de vazio e insegurança no fundo do estômago, ame­drontando-nos com a idéia de que nossos alicerces podem estar se transformando em areia e nossa armadura tornando-se frágil como uma casca de ovo. Foi o que aconteceu comigo. Há alguns anos, eu estava tão ocupada trabalhando, cuidando de adolescentes, tentando ser uma boa esposa, administrando a casa, escrevendo livros e viajando para promovê-los, participando de to­das as reuniões da igreja, ajudando pessoas necessitadas e procuran­do fazer todo mundo feliz, que acabei deixando de lado a coisa mais importante: um relacionamento íntimo com Deus. Não que eu tivesse parado de me relacionar com ele. Pelo contrário, não conse­guiria chegar ao fim do dia sem ele. Não que eu tivesse parado de orar. Na verdade, estava orando mais do que antes por todas as outras pessoas do planeta. No
entanto, não orava por meu próprio relacionamento com ele. Não que eu tivesse deixado de ler sua Pa­lavra. Lia durante horas, pesquisando as Escrituras para diferentes projetos nos quais trabalhava e para os estudos bíblicos em que participava. No entanto, não dedicava tempo para Deus a fim de que ele falasse comigo de modo pessoal por meio da Bíblia. Estava ocupada fazendo o que era bom e havia deixado de fazer o que era melhor. Sem que me desse conta, havia me transformado em Mar­ta, em vez de Maria (Lc 10:38-42). Não reservava tempo suficiente para estar a sós com Deus, como conseqüência fiquei tão fragilizada que não conseguia prosseguir. Sentia-me como aquela casca de ovo, como se pudesse ser esmigalhada com uma pressão mínima. Sabia que precisava ter mais de Deus em minha vida, e nada neste mundo poderia ser mais importante do que isso. Não havia nenhuma outra coisa que seria capaz de saciar minha fome, a não ser a presença dele. Percebi como era importante para mim guardar e proteger meu relacionamento pessoal com Deus em oração. A maneira de evitar esse tipo de experiência pela qual passei é orar sobre todos os aspectos de nossa vida, de tal modo que isso nos man­tenha espiritualmente ancoradas e nos lembre sempre de quais são as promessas de Deus para nós. Essa prática nos manterá concentradas em quem Deus é e em quem ele nos criou para ser, nos ajudará a viver do jeito de Deus e não do nosso. Elevará nosso olhar do tempo­ral para o eterno e nos mostrará o que é de fato importante, nos dará a capacidade de distinguir a verdade da mentira. Fortalecerá nossa fé e nos dará coragem para crer no impossível, nos capacitará para que nos tornemos a mulher que ansiamos por ser e acreditamos que pode­mos ser. Qual de nós não precisa disso? Em meus livros anteriores sobre a oração, compartilhei as manei­ras como maridos e esposas podem orar por seu cônjuge, como pais podem orar por seus filhos e como as pessoas podem orar por sua nação. Neste livro, quero compartilhar como você poder orar por VOCÊ. Quero ajudá-la a aproximar-se de seu Pai celestial, a sentir os braços dele ao seu redor, a manter um coração reto diante dele, a viver na confiança de saber que se está dentro da vontade dele, a descobrir de modo mais completo quem ele a criou para ser, a encon­trar a plenitude e totalidade nele, a alcançar aquilo que ele tem para você. Em outras palavras, quero mostrar-lhe como abranger com efi­cácia toda a sua vida em oração, de modo que você possa ter mais de Deus em sua vida. Por que é tão difícil orar por mim mesma? Você acha mais fácil orar pelos outros do que por você mesma? Sei que esse é meu caso. Posso orar por meu marido, meus filhos, outros familiares, conhecidos, amigos e pessoas que nem conheço e sobre as quais ouço falar no noticiário com muito maior facilidade do que consigo orar por minhas necessidades. Isso porque identifico as ne­cessidades deles com facilidade. As minhas são numerosas, por vezes complicadas, com freqüência difíceis de determinar e certamente não são fáceis de categorizar. Nós, mulheres, sabemos do que achamos precisar a maior parte do tempo. Somos capazes de reconhecer o ób­vio. No entanto, muitas vezes estamos emocionalmente envolvidas demais com as pessoas ao nosso redor e com nossa vida diária para sermos capazes de descobrir como deveríamos estar orando por nós mesmas além das necessidades imediatas e urgentes. Algumas vezes somos tão dominadas pelas circunstâncias que nossa oração não pas­sa de um pedido básico de socorro. Há momentos em que sua vida parece estar fora de controle? Você se sente pressionada, como se os dias estivessem tão ocupados que temesse estar perdendo qualidade de vida por causa disso? Você pen­sa que está deixando de lado uma ou mais áreas de sua vida por estar tentando desempenhar uma porção de papéis e preencher muitas expectativas? Eu também já passei por isso. Você já sentiu como se sua vida estivesse encalhada e você não conseguisse ir a parte alguma? Ou, pior ainda, como se você esti­vesse andando para trás? Já houve momentos em que você perdeu a perspectiva do futuro? Ou será que você nunca teve? Você já se perguntou se pode, de fato, alcançar o propósito pleno e o destino que Deus tem para você? Você já teve sentimentos de vazio, frus­tração ou insatisfação? Eu também já senti todas essas coisas. Você deseja uma percepção maior da presença do Senhor em sua vida? Quer conhecer a Deus de modo mais profundo? Deseja servi-lo de uma forma melhor e mais completa, mas sente que não tem tem­po, energia ou oportunidade de fazê-lo? Você precisa passar mais tempo com ele em oração? Quer que suas orações sejam acompanhadas de maior fé para que você possa ver maiores respostas a elas? Precisa de conhecimento e entendimento mais completos da Palavra de Deus? Anseia por abrir seus braços e abraçar Jesus, de túnica branca e tudo mais, e senti-lo abraçando você de volta? Eu também. A boa notícia é que esse é o modo como Deus quer que você se sinta. Deus deseja que almejemos sua presença. Ele deseja que você en­contre sua realização nele e em mais nada. Ele deseja que você caminhe perto dele. Deseja que você cresça em fé e conhecimento da Palavra dele. Ele deseja que você coloque todas as suas esperanças e sonhos nas mãos dele e confie que ele supra todas as suas necessidades. Quando você o fizer, ele vai abrir o depósito de bênçãos em sua vida. Isso por­que tais coisas são a vontade dele para você. No entanto, nada disso acontece sem oração. Aonde irei para que minhas necessidades sejam supridas? Toda mulher tem necessidades. Muitas de nós, porém, sentem-se culpadas por tentar supri-las por meio de outras pessoas — especial­mente dos homens de nossa vida. Com muita freqüência, espera­mos que eles supram as necessidades que só Deus pode preencher. Então, ficamos decepcionadas quando eles não conseguem fazê-lo. Esperamos demais deles quando deveríamos colocar nossas expe­ctativas em Deus. Minha amiga Lisa Bevere expressou isso muito bem quando disse que há séculos as mulheres têm "batalhado e lutado com os filhos de Adão numa tentativa de conseguir que eles nos aben­çoem e afirmem nosso valor. No entanto, essa luta nos deixa, no mínimo, frustradas... No final, não passa de um processo exausti­vo e sem sentido no qual ambas as partes saem perdendo. A culpa não é dos filhos de Adão; eles não podem nos dar as bênçãos que buscamos, e nós os assustamos ao conceder-lhes tanto poder so­bre nossa alma. Devemos aprender que as bênçãos das quais real­mente precisamos vêm somente de Deus" *. Não seremos felizes até que façamos de Deus a fonte de nossa realização e a resposta a nossos anseios. Ele é o único que deve ter poder sobre nossa alma. Precisamos colocar nossas expectativas sobre o Senhor e não sobre outras coisas ou pessoas. Sei que é mais fácil dizer do que fazer. As­sim, comecemos pela parte fácil. Vamos dizer a Deus: "Senhor, bus­co em ti tudo de que preciso em minha vida. Ajuda-me a colocar todas as minhas expectativas sobre ti". Sempre que você se decepcio­nar porque suas necessidades não estão sendo supridas, converse con­sigo mesma e diga: "Somente em Deus, ó minha alma, espera silen­ciosa, porque dele vem a minha esperança" (Sl 62:5). Então, conte para Deus todas as suas necessidades e tudo que está em seu coração. Não se preocupe. Ele não vai ficar surpreso ou chocado. Ele já sabe. Só quer ouvir você dizer. Mais do que apenas uma sobrevivente Se você é como eu, não quer viver o tipo de vida em que mal con­segue se agüentar. Não quer simplesmente sobreviver a qualquer custo, encontrar uma forma de lidar com seu estado deplorável ou só ir levando. Você deseja ter a vida abundante da qual Jesus falou quando disse: "Eu vim para que tenham vida e a tenham em abun­dância" (Jo 10:10). Não queremos ser mulheres que ouvem a verdade mas que raras vezes tomam uma atitude pela fé para aplicá-la a sua vida. Não que­remos lutar para sempre com a dúvida, o medo, a insegurança e a incerteza. Queremos viver a vida de propósito e com um propósito. Achamos tedioso viver como bebês, tomando só leite. Queremos o alimento sólido da verdade de Deus para que possamos crescer e ter uma vida empolgante e produtiva. Nenhuma de nós gosta de andar em círculos, passando sempre pelo mesmo território e voltando para os mesmos problemas, as mesmas frustrações, os mesmos erros e as mesmas limitações. Não queremos nos tornar calejadas, endurecidas de coração, amargas, implacáveis, ansiosas, impacientes, desesperadas e indóceis. Não que­remos acabar tendo uma atitude negativa que diz: "Minha situação jamais será diferente, pois não tem sido diferente há muito tempo". Queremos romper qualquer círculo vicioso de derrotismo, de pa­drões de comportamento e hábitos e ser capazes de ir além de nós mesmas, de nossas limitações e condições. Queremos ser mais do que apenas um sobrevivente. Queremos ser vencedoras. Queremos fazer parte de algo maior do que nós. Queremos estar ligadas àquilo que Deus está fazendo aqui na terra de forma a dar frutos para seu reino. Queremos a abun­dância de amor e de bênçãos de Deus. Queremos o pacote completo. Tudo o que Deus tem para nós. No entanto, jamais seremos capazes de alcançar essa qualidade de vida fora do poder de Deus, e só a conseguiremos se orarmos. Como posso agir pelo poder de Deus? Todas nós já passamos por momentos em que nos sentimos comple­tamente impotentes diante de nossas circunstâncias. Já mostramos a nós mesmas, vezes sem fim, que não temos o que é preciso para conseguir qualquer transformação permanente em nossa vida. Sabe­mos sem sombra de dúvida que nossos maiores esforços para mudar quem somos ou as circunstâncias de modo significativo ou duradou­ro nunca funcionam. Reconhecemos nossa necessidade de um poder exterior e muito maior que nós. Contudo, há somente um único poder no mundo que é grande o suficiente para nos ajudar a nos superar e as dificuldades que enfrentamos: o poder de Deus. Sem o poder de Deus, não somos capazes de superar nossas limitações ou sair de nossa rotina interminável. Não somos capa­zes de resistir com firmeza a tudo o que se opõe a nós. Estamos condenadas a uma vida de mediocridade espiritual. Sem o poder do Espírito Santo de Deus operando em nós, não podemos ser libertadas de todas as coisas que nos impedem de alcançar tudo o que Deus tem para nós. Não queremos passar a vida esperando para ser resgatadas de tudo o que nos limita e que nos separa do que há de melhor em Deus. Queremos ser libertadas agora. Mas isso não pode acontecer se nos recusarmos a reconhecer o poder do Espírito Santo. Quando negamos os atributos do Espírito Santo, nos tornamos como aque­las pessoas das quais a Bíblia fala, que vivem "tendo forma de pie­dade, negando-lhe, entretanto, o poder" (2 Tm 3:5). Transformamo-nos em cristãs profissionais que falam em "crentes", com um verniz de superficialidade que nos torna intocáveis e intocadas. Somos só fachada sem conteúdo. Só perfeição sem nenhum amor. Só julga­mento sem misericórdia. Só autoconfiança sem nenhuma humil­dade. Só palavras e nenhuma lágrima. Só vida sem poder e sem sentido e nenhuma esperança de verdadeira transformação. E, sem transformação, como podemos algum dia ultrapassar nossas limi­tações e ser instrumentos de Deus para alcançar o mundo ao nosso redor? E é isso que significa viver de verdade. Deus deseja que compreendamos "qual a suprema grandeza do seu poder para com os que cremos" (Ef 1:19). Ele deseja que conhe­çamos esse poder que ressuscitou Jesus "dentre os mortos e fazendo-o sentar à sua direita nos lugares celestiais, acima de todo principado, e potestade, e poder, e domínio, e de todo nome que se possa referir" (Ef 1:20,21). Ele deseja que compreendamos que Jesus não é fraco para conosco, mas sim, poderoso em nós (2 Co 13:3). Ele deseja que compreendamos que "de fato, foi crucificado em fraqueza, contudo vive pelo poder de Deus", e mesmo que nós também sejamos fracas, vivemos igualmente pelo poder de Deus (2 Co 13:4). Deus deseja que entendamos que "não temos recebido o espírito do mundo, e sim o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos o que por Deus nos foi dado gratuitamente" (1 Co 2:12). Não posso fazê-la ver nem levá-la a compreender o poder de Deus ou a maneira como o Espírito Santo deseja trabalhar em você. Está além de minhas capacidades e autoridade em sua vida. No entanto, você não precisa de mim para convencê-la, pois o próprio Espírito Santo o fará. Jesus disse: "O Consolador, o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito" (Jo 14:26). Mas, antes de tudo, você precisa reconhecer o Espírito Santo e convidá-lo a mover-se livremente em você. Só podemos agir pelo poder do Espírito de Deus se antes tiver­mos recebido Jesus como Salvador. Você precisa "conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais tomados de toda a plenitude de Deus" (Ef 3:19). Quando você tiver Jesus como rei de sua vida, virá a conhecê-lo como "aquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós" (Ef 3:20). Pelo fato de o Espírito Santo estar em nós - ou seu poder estar em nós -, ele pode fazer mais em nossa vida do que somos capazes de pensar em pedir. Isso não é fantástico? Estar cheia do Espírito Santo não é algo que acontece contra nossa vontade. É algo para o que precisamos estar abertas, algo que precisamos desejar, algo que precisamos pedir. "Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais o Pai celestial dará o Espírito Santo àqueles que lho pedirem?" (Lc 11:13). Podemos escolher se vamos ser enchidas pelo Espírito Santo ou não. Precisamos pedir a Deus que o faça. Não vou entrar nas várias doutrinas sobre o Espírito Santo de Deus. Parece que há tantas doutrinas quanto há denominações. Tudo o que estou pedindo é que você reconheça o Espírito Santo de Deus como o poder de Deus e que Deus irá enchê-la com seu Santo Espí­rito a fim de que ele possa dar-lhe poder para alcançar tudo o que ele tem para você. A Bíblia diz: "Enchei-vos do Espírito" (Ef 5:18). A vida corre melhor quando fazemos o que a Bíblia diz. O poder de tornar-se tudo o que Deus a criou para ser Hoje, cada vez mais mulheres cristãs estão recebendo a oportunidade de tornar-se tudo o que foram criadas para ser. Estão dirigindo-se a diferentes áreas de trabalho e ministério e causando impacto na vida daqueles que Deus coloca em sua esfera de influência. Estão apren­dendo a confiar no poder de Deus para prepará-las e abrir as portas. Também estão se dando conta de que não são apenas um elemento secundário na ordem de criação de Deus, mas sim que foram criadas com um propósito especial. Podem não saber exatamente qual é esse propósito ou todos as suas implicações, mas sabem que é fazer o bem aos outros e glorificar a Deus. Um motivo importante pelo qual as mulheres estão alcançando a plenitude do que Deus tem pata elas é o fato de os homens esta­rem assumindo sua autoridade e liderança espiritual. Essa é uma reposta às orações de inúmeras mulheres e algo pelo que devemos louvar a Deus. As mulheres precisam de cobertura espiritual. Quan­do ela é feita corretamente - com força, humildade, bondade, res­peito e entendimento - e não com abuso, arrogância, egocentrismo, crueldade, aspereza ou desamor, torna-se um lugar de segurança para a mulher. Estar dentro da ordem correta em nossa vida é algo a ser almejado. A Bíblia diz: "Deve a mulher, por causa dos anjos, trazer véu na cabeça, como sinal de autoridade" (1 Co 11:10). Isso significa autori­dade espiritual e é muito importante. Todos devem se submeter à autoridade divinamente apontada. Faz parte da ordem de Deus. Ele não derramará sobre nossa vida tudo o que tem para nós até que estejamos em um relacionamento certo com as devidas figuras de autoridade que Deus colocou sobre nossa vida. Elas estão lá para nossa proteção e benefício. O poder de Deus é precioso e poderoso demais para ser liberado numa alma insubmissa. (Não devemos nos preocupar com isso, mas sim orar sobre isso. Veja o Capítulo 9.) As promessas de Deus para você Muitas vezes, nem chegamos perto do que Deus tem para nós, pois não entendemos o que ele tem para nós. Pode ser que saibamos que ele deu muitas promessas para nossa vida, mas se não sabemos exatamente quais são, não podemos ter uma visão clara de nossa situa­ção. "Pelo seu divino poder, nos têm sido doadas todas as coisas que conduzem à vida e à piedade, pelo conhecimento completo daquele que nos chamou para a sua própria glória e virtude, pelas quais nos têm sido doadas as suas preciosas e mui grandes promessas, para que por elas vos torneis co-participantes da natureza divina" (2 Pe 1:3,4). Precisamos conhecer essas promessas bem para tê-las sempre na mente e no coração. Na verdade, quanto mais profundamente estiverem gravadas em nossa alma, melhor será para nós. Isso porque o inimigo de nossa alma tentará roubá-las de nós. Ele não deseja que saibamos a verdade sobre nós mesmas. Assim, devemos nos apegar a essas pro­messas com todas as nossas forças. Devemos nos agarrar a elas com unhas e dentes e recusar abrir mão delas. Por esse motivo, no final de cada capítulo deste livro, há uma seção chamada "As Promessas de Deus para Mim". Nela, encontram-se relacionadas promessas importantes da Palavra de Deus que se aplicam ao assunto em questão. Quero que você as declare em voz alta diante de todos os obstáculos a fim de apagar qualquer dúvida sobre essas verdades inestimáveis para nossa vida. Ao ler cada uma delas, identifique o que a promessa de Deus naquele trecho bíblico em particular significa especificamente para você e sua vida. Em al­guns casos, identifique qual é a promessa que se encontra implícita nesse trecho. Veja, por exemplo, o versículo: "Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca" (Mt 26:41). A promessa implícita aqui é de que, se você vigiar e orar, não cairá em tentação. Embora a maior parte das promessas de Deus seja agradável e positiva, algumas não o são, pois consistem em advertências para nós. E como dizer a uma criança: "Se você fizer isto, haverá uma recompensa. Mas se você fizer aquilo, prometo que haverá conse­qüências desagradáveis". Pelo fato de Deus cumprir todas as suas promessas, é importante conhecê-las bem. Hora de ir em frente Apesar de muitas vezes parecer este o caso, não há nenhuma época sequer de sua vida em que nada esteja acontecendo. Isso porque, quer você perceba, quer não, você nunca está parada. Ou está indo para a frente ou está escorregando para trás. Ou está se tornando mais parecida com Cristo a cada dia ou está cada vez menos parecida com ele. Não existe uma posição neutra no Senhor. É justamente por isso que escrevi este livro. Quero que você ande para a frente. Não quero que despertemos um dia e nos demos conta de que nunca lançamos bons alicerces nas coisas de Deus ou que não protegemos os alicerces que tínhamos com orações. Quero que andemos para frente ao passar tempo precioso todos os dias com aquele que ama nossa alma. Quero que tenhamos paixão por Deus. Quero que des­cubramos o que devemos fazer e, então, coloquemos mãos à obra. Não se trata de conseguir coisas de Deus, apesar de ele ter muitas coisas que deseja nos dar. Trata-se de estar em Deus e permitir que ele esteja em nós. Trata-se de deixar que ele nos torne completas. Quando vivemos dessa forma, de acordo com a Palavra de Deus e pelo poder de seu Espírito Santo, então podemos confiar que estamos no lugar certo e na hora certa e que o Senhor está trabalhando para aperfeiçoar sua vontade em nossa vida. Podemos confiar que ele está nos levando à vida de plenitude e bênçãos que tem para nós. Então, vamos lá? Minha Oração a Deus Senhor, Tu disseste em tua Palavra que quem crer em ti terá rios de água viva fluindo de seu coração (Jo 7:38). Creio em ti e anseio por tua água viva fluindo em mim e por meu intermédio hoje e todos os dias de minha vida. Convido teu Espírito Santo para me encher novamente neste instante. Assim como a primavera se renova cons­tantemente com água fresca de modo que permanece pura, peço-te que tu me renoves da mesma forma no dia de hoje. Tua Palavra diz que "também o Espírito, semelhantemente, nos assiste em nossa fraqueza; porque não sabemos orar como con­vém, mas o mesmo Espírito intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis" (Rm 8:26). Senhor, estou ciente de que não sei orar como preciso, nem com a freqüência que desejo, mas convido-te, Espírito Santo, a orar por meu intermédio. Ajuda-me em minha fraqueza. Ensina-me as coisas que não sei sobre ti. Tenho uma consciência intensa do quanto preciso de teu poder para transformar-me e às minhas circunstâncias. Não quero viver uma vida ineficaz. Quero viver no poder dinâmico de teu Espíri­to. Não quero ter uma vida espiritual de segunda categoria. Que­ro ser vitoriosa. Tu pagaste o preço para que eu fosse tua. Ajuda-me a viver de acordo com isso. Tu traçaste um rumo para minha vida, afim de que eu pudesse ser moldada por ti. Ajuda-me a agir de acordo com isso. Tu possibilitaste que eu derrotasse meu inimi­go. Ajuda-me a não esquecer disso. Tu enviaste o Espírito Santo para que eu pudesse viver em poder. Ajuda-me a cumprir essa promessa. Tu deste tua vida por mim porque tu me amaste. Aju­da-me a fazer o mesmo por ti. Coloco todas as minhas expectativas sobre ti, Senhor. Arrepen­do-me das vezes em que esperei que outras pessoas ou coisas suprissem minhas necessidades quando deveria ter me voltado para ti. Sei que tu és o único que pode tornar-me plena, pois tu és tudo de que preciso. Tudo o que sempre desejei em minha vida pode ser encon­trado em ti. Ajuda-me a lembrar de não viver por minhas próprias forças, mas pelo poder de teu Espírito que habita em mim. Perdoa-me pelas vezes que me esqueci de fazê-lo. Capacita-me para que possa crescer nas coisas de teu reino afim de que me torne uma filha tua completa, devidamente ativa, contribuinte e produtiva, indo em frente e alcançando teu propósito para minha vida. As Promessas de Deus para Mim Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós. 2 Coríntios 4:7 Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se per­dem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus. 1 Coríntios 1:18 A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. 2 Coríntios 12:9 Deus ressuscitou o Senhor e também nos ressuscitará a nós pelo seu poder. 1 Coríntios 6:14 Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim. João 15:26 * Bevere, Lisa. Kíssed the Girls and Made Them Cry. Nashville: Tommy Nelson, 2002, pp. 189,190.

Nenhum comentário