Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mulheres da Biblia


Mulheres Bíblicas foram vitoriosas. Mas, ainda hoje, unidas em oração e jejum, as mulheres crentes estão ungidas para destruir o inimigo, lançando-o fora de suas vidas.E m 1º Samuel 25, lemos sobre Abigail. Uma autêntica intercessora e pacificadora, mulher de bom entendimento e formosa. Era esposa de Nabal - homem abastado em Maom, que possuía grandes rebanhos de ovelhas e cabras no Carmelo. Contudo, Nabal era duro e maligno em suas obras. Recusou assistência a Davi e seus homens.Revoltado com a dureza de Nabal, Davi preparou-se com seus exércitos para passá-lo a fio de espada. Ao ser informada sobre isso, Abigail, corajosamente, apressou-se e foi ao encontro de Davi e de seus homens, levando-lhes mantimentos, para apaziguar e, sem ainda saber, impediu-os do envolvimento em grande destruição e morte.Em sua determinação, ousadia (de fé) e intercessão, ela obteve êxito total. Abigail revelou diplomacia, tato e responsabilidade. Bons presentes e palavras humildes vencem a fúria dos homens exaltados de Davi e garantem paz à sua casa.Deus sempre ouve e atende às orações de mulheres virtuosas, mansas de coração, pacificadoras e também perdoadoras como Abigail. Ela conhecia a Deus. Muito importante é que ela esperou a hora certa para falar com Nabal, porque também o conhecia. Mais tarde, quando viúva, ela obteve recompensa - foi escolhida para ser esposa do Rei Davi.Em 2º Samuel 20.16-22, lemos estas palavras: "Então, uma mulher sábia gritou de dentro da cidade: Ouvi, ouvi - dizei a Joabe: chega-te cá, para que eu fale contigo". Seba, filha de Bicri, da tribo de Benjamim, havia se levantado contra o Rei Davi e fugira, indo esconder-se em Abel-Bete-Mooca, uma das cidades das tribos de Israel. Pela intervenção corajosa daquela mulher sábia, cujo nome nem foi citado na Bíblia, o povo daquela cidade cortou a cabeça de Seba e lançou-a a Joabe, do alto de seus muros. Joabe voltou a Jerusalém, ao Rei. Uma mulher sábia, serva do Rei, embora anônima, uniu-se ao povo de Abel-Bete-Mooca, para lançar fora de seus muros a cabeça cortada do inimigo do Rei, que, em fuga, lá havia conseguido entrar.Simbolicamente, mulheres de Deus, Abel-Bete-Mooca podem ser nossas vidas, nossos lares, nossas empresas e nossos muros. Vamos unir-nos mais em oração, em sinceridade, fé em Deus, e assim, guiadas pelo Espírito Santo, destruiremos o "inimigo do Rei", que também é nosso inimigo, lançando-o para fora dos muros das nossas vidas para sempre.Vamos continuar sendo mulheres sábias, corajosas, unidas na luta contra o mal, fiéis a Deus, ao nosso Rei Jesus, que está voltando.
Irmã Dora Rees

Nenhum comentário