Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Testemunho Perdoando o adultério.



Perdoando o Adultério... no Senhor é Possível ( 290 visitas ) Em 1/12/2008 por:
Elisa*********@***assembleia de deusRio de Janeiro / RJ
Compartilho com os irmãos uma das maiores vitórias da minha vida: Descobri que em Jesus, eu posso sim, PERDOAR! Sempre fui uma pessoa lembrada pela minha mansidão, minha fé, meu carisma, e pela minha dureza em perdoar... Ainda quando criança, lembro-me de simplesmente deletar as pessoas da minha vida quando me era conveniente. Passava horas, dias, meses e até anos sem tocar no nome ou lembrar da existência daqueles que me afligiam. Na juventude, conheci ao Senhor e por mais que o amasse, eu continuava a julgar as pessoas, e aquela dificuldade em perdoar me corroía, pois eu via quantas vezes nosso Deus lançava no mar do esquecimento minhas falhas, e eu não conseguia a mesma coisa. Por não perdoar, perdi amigos, entristeci ao Espírito Santo, joguei fora meu casamento 50 dias antes de concretizá-lo, e longos dias sem falar com minha mãe. Mas, sou filha de um amado Senhor, que tem uma forma toda especial de nos tratar... conhece o íntimo do nosso coração, nossas juntas e medulas. Em sua misericórdia, Deus me presenteou a um ano com um novo relacionamento. Um homem maravilhoso mas, estava tão desgarrado quanto eu. E nesse um ano, temos vivido o pior e o melhor de nós mesmos, o que nos fez sentir um desejo enorme de voltar ao Senhor, de buscar sua face e deixar que cumpra em nós suas promessas. Ás vezes chorando juntos de joelhos, agradecemos a Deus, por estarmos aprendendo ainda que no sofrimento que Deus tudo pode em nossas vidas. Na minha vida especialmente, tem trabalhado o perdão e a submissão. Hoje, aos 34 anos, sou próspera e independente financeiramente. Meu pai que não serve ao Senhor, vive me dizendo que não preciso me casar, pois tenho tudo que uma mulher pode querer ter sem ter que obedecer a algum homem... mas meu pai celestial, me ensinou o contrário. E tenho atentado para a voz de Deus. Também posso testemunhar aos irmãos que o texto em I Coríntios 13, não precisa ser referência de meditação, mas pode ser vivido e real nas nossas vidas. Pedi muito a Deus, que um dia vivesse esse amor... creio que não medi bem o poder das palavras, pois é a coisa mais difícil deste mundo, exercitá-lo... Certa vez, meu marido perguntou-me o que poderia nos separar. Conhecendo meu coração, disse a ele que a traição. Pois bem, o adversário de nossas vidas, também ouviu. E quando passamos pela situação mais grave de nossas vidas, ele lembrou-se de minha fala. Disse que precisava fazer algo que eu não perdoasse de forma alguma, pois assim eu o mandaria embora de minha vida. Meu marido, olhou pra mim, tirou a aliança do dedo e disse: nossa história vai terminar aqui, hoje. Minhas lágrimas rolaram, mas não respondi, clamei ao Deus que havia me dito que ele era o meu companheiro, o varão que ele havia me dado. E disse em pensamento: Meu Deus, Tu não és Deus de confusão, que prevaleça a tua palavra, não a dele ou de qualquer demônio. Ele então saiu, e disse que se não retornasse que eu não me preocupasse, pois não tínhamos mais a nossa vida. Entrei para casa, fechei a porta do meu quarto, chorei horas aos pés do meu Deus mas pedi: Senhor, é a última vez que falo contigo a esse respeito, e preciso que tu confirmes se estas me ouvindo. Esperei a resposta de Deus, que confirmou comigo pela palavra. Então continuei: Se o Senhor tem mesmo um grande projeto na nossa vida enquanto homem e mulher de Deus, se tu não olhas para as nossas falhas, mas para aquilo que tu irás fazer o Senhor toque na vida dele e o traga esta noite. Mas o traga de tal forma que ele necessite de mim, para prosseguir, traga de forma que eu possa mostrar a ele o quanto o amo, e posso cuidar dele, para que possa ver o que o Senhor tem feito na minha vida ainda que eu sofra com ele (sinceramente achei que Deus tocaria em sua vida física. Imaginei que passaria dias cuidando dele). E se não for este o teu projeto, que o Senhor não permita o seu retorno, pois amanhã de manhã, suas coisas estarão prontas para partir. E, por mais que eu peça, implore e chore, não me ouças mais nesta noite, que seja esta a nossa palavra. Amados, sinceramente não imaginamos que os planos de Deus são grandiosos, e que Deus não está a nosso serviço, mas realizando sua obra e nos fazendo quando e como lhe convém, instrumentos seus. Adormeci e acordei com um homem bêbado cambaleando no meu quarto me dizendo: agora você não pode mais continuar comigo, você não vai mais querer ficar comigo, eu fiz uma “x” erda” eu te traí. Sentou-se e olhou pra mim. Vi ali por um momento, uma alma vazia, em outro o homem que eu amava, e a sua frente os demônios dizendo: nós conseguimos... acabou aqui. Lembrei-me então do pacto que havia feito com Deus antes de dormir. Ele o trouxera de volta, mas era a minha vez de exercitar o perdão, o amor, a misericórdia, a fé. Eu pedi, mas Deus não tem que fazer do nosso jeito. Abaixei-me, olhei nos seus olhos e disse: Fulano eu amo você, e de agora em diante ainda mais porque o Senhor me deu você. E você demônio, saia da vida dele, da minha casa e da minha família em nome de Jesus, porque não vou ajudá-lo a destruir o que o Senhor propôs edificar. Termino irmãos, dizendo que ali, abracei-o, ele chorou pedindo perdão a mim e ao Senhor, e eu PERDOEI, ganhei ali, meu marido, minha família e o privilégio de pela misericórdia me tornar um pouco mais a semelhança de Deus. Eu vi que no Senhor podemos todas as coisas e que, em Coríntios 13 também está escrito que o Amor, não busca seus próprios interesses, mas tudo crê, tudo suporta, tudo espera. Estou imensamente feliz, não só por ele ter ficado, mas por ter sido ouvida pelo meu pai que operou antes de tudo o milagre do perdão na minha vida, era algo que me afligia a muitos anos, e eu tive ali a vitória. Te louvo Senhor, porque tu me sondas e me conheces, e sabe a forma exata de sarar minhas feridas.

2 comentários

  1. Queria pedir sua oração estou na mesma situação só q diferente eu pequei contra o meu casamento e não vejo retorno pq minha esposa me odeia por favor me ajude a orar pra Deus mudar isso

    ResponderExcluir
  2. Quero pedir sua oração estou passando pela mesma situação mas diferente de vc minha esposa não quer me perdoa fui muito ruim oq fiz mas não quero q o diabo vença essa batalha por favor ore por mim

    ResponderExcluir